Aproveite o melhor do Portal Cris Menegon! Mantenha seu Navegador sempre atualizado. Baixe o Internet Explorer 9
  • 22359388 1971730913104259 510698593 n
  • bm3 comunica

  • novobm3

bm3 comunica
Encontre no portal
12/08/17 08h34 - Atualizado em 12/08/17 11h59
Publicado por Cris Menegon

A Câmara de Lages aprovou na segunda-feira (7) a moção legislativa 183/2017, que recomenda que sejam estendidas as regras da Lei da Ficha Limpa para nomeação nos cargos comissionados existentes no Poder Executivo Municipal. Sendo assim, para ingressar no serviço público como cargo de confiança dos políticos que estão no poder, o cidadão não poderá ter condenação em segunda instância judicial, desaprovação de contas ou qualquer outro problema previsto na Lei Complementar 64/1990.

 

Projeto de iniciativa popular, a Lei da Ficha Limpa teve seu início em 2010, com a finalidade de combate à corrupção política. A sociedade se mobilizou e com mais de um milhão de assinaturas conseguiu a aprovação da lei que determina a inelegibilidade por oito anos de políticos condenados em processos criminais em segunda instância, cassados ou que tenham renunciado para evitar a cassação, entre outros critérios. A lei ainda torna inelegíveis os que tiverem suas contas relativas ao exercício de cargos ou funções públicas rejeitadas por irregularidade insanável que configure improbidade administrativa.

ficha limpa1

Aprovada por unanimidade na Câmara Municipal, a moção proposta pelo vereador Osni Freitas (PDT) e também assinada pelos legisladores Bruno Hartmann (PSDB), Ivanildo Pereira (PR) e Jair Junior (PSD) será encaminhada para análise do prefeito Antonio Ceron (PSD), juntamente com a minuta de projeto de resolução já em trâmite nesta Casa Legislativa.

 

Adicionar comentário

Por favor nos diga seu

Código de segurança Digite o código de segurança

Gerar nova imagem

Vídeo em Destaque

Programa Mais Atitude - Expolages 2017
Publicidade

lages jasc blog 320x300px

 

 banner 2018 unifacvest 320x300

 

anucio1

TELALAGES

caes1

BANNERkOCHcris