Brasil prestes a perder representação turística no exterior

0
300

A EMBRATUR promove o Brasil no exterior por meio de seus Escritórios Brasileiros de Turismo (EBTs). Todavia, pasmem, tudo pode mudar a partir de outubro, quando vence o contrato vigente dos EBTs. Com isso, os escritórios não poderão mais atuar nestes mercados e o Brasil voltaria a ficar sem representação turística no exterior, como já aconteceu entre os anos de 2011 e 2013. Na época, os EBTs foram desativados após os contratos vencerem.

Sem Edital

Até agora não há um edital de licitação para nova contratação. Uma das alternativas seria a prorrogação desses contratos com os EBTs em caráter de urgência. Porém, sem o edital, nem mesmo a prorrogação é possível. A representação internacional do destino Brasil é estratégica para a atuação no incremento no número de turistas estrangeiros no país, em prol da geração de emprego e renda.

O trabalho hoje desenvolvido no exterior já é ínfimo diante do nosso potencial turístico. Sem os EBTs a tendência é piorar. A ausência de um programa contínuo dificulta o trabalho de promoção e o país não conseguirá atingir a meta de sair dos 6,5 milhões de turistas estrangeiros para os 12 milhões até 2022.

Informações: Jefferson Severino

#BM3 Comunicação Criativa

Compartilhar a matéria
TORTEN
TOPO PREFEITURA LOGO
BM3
facvest top
PREFEITURA TOPO 05-06

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here