Orientações e conscientização no número de acompanhantes nos atendimentos da Saúde

0
328

A secretaria de saúde de Lages, orienta para que o mínimo possível de pessoas acompanhem quem precisa de atendimento médico, evitando as aglomerações de pessoas nas salas de espera.

O acompanhante está para ajudar em qualquer eventualidade e precisa estar preparado para repassar informações necessárias à equipe médica. Isto não acontece só em Lages, mas na maioria das cidades. Esta questão é ainda mais marcante quando o atendimento é na área da pediatria, onde muitas vezes acompanham a criança os pais, irmãos, avô, avó, tios e até amigos. “Isto é normal” já que todos querem o bem do seu familiar, seja criança ou adulto, mas procurem evitar.

Mais agilidade

Para que o atendimento em saúde, não só na Unidade de Pronto Atendimento 24 horas (UPA Dra. Maria Gorete dos Santos), e também nos demais equipamentos do serviço como: Unidades Básicas de Saúde nos bairros, hospitais, entre outros, seja mais ágil sem aquelas aglomerações de pessoas nas recepções e nas salas de espera, a recomendação dos gestores em saúde e médicos é que apenas os pais ou um responsável esteja presente nas consultas das crianças, por exemplo.

Compartilhar a matéria
TOPO PREFEITURA LOGO
BM3
facvest top
PREFEITURA TOPO 05-06

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here