CORONAVIRUS: No mundo mais de 100 mil pessoas já se recuperaram, Lages teve um caso e já está curada

0
804

Em meio ao caos do COVID-19, a imprensa noticia casos de infectados e mortes, mas esquecem de mostrar os números de pessoas que passaram pelo COVID-19 e se curaram, o número é muito maior, ou então orientar a população que estar contaminado não quer dizer morto.

Contrair a doença é para todas as idades, mas a idade de risco de se complicar é acima de 60 anos, mais isso não quer dizer que você é imune abaixo dessa idade, ainda temos as pessoas que tem problemas como diabetes, câncer, hipertensão e alguma doença crônicas ( independente da idade).

A quarentena é para amenizar o caos nos hospitais, pois caso muitas pessoas precisem de leitos, UTIs e respiradores, esses hospitais não suprem a demanda.

Recuperação

Em todo o mundo pelo menos 100 mil pessoas já se recuperaram da doença. A Organização Mundial de Saúde (OMS) informou que 80% das pessoas contaminadas se recuperam apenas no tratamento, sem precisar de internação e uso do respirador (entre 5% e 6%).

Os curados são homens e mulheres, jovens, adultos e idosos, que apresentaram sintomas variados, desde tosse e falta de ar até perda de olfato. Depois de um período de isolamento total, sem sair de casa – incluindo os mais novos.

Mais de 50% dos infectados com Coronavírus já estão curados, a China é o país que apresenta os melhores números, com mais 75 mil pessoas recuperadas. Os números são da Johns Hopkins Whiting School of Engineering, que analisa os dados mundiais da doença.

Além da China, Espanha, Itália e Irã já ultrapassaram a casa dos 10 mil curados, com 14 mil, 13 mil e 12 mil, respectivamente.

Lages

Em Lages tivemos um caso positivo, Cristina Yamaguchi, que havia feito uma viagem em um cruzeiro, e segundo ela não sabe onde pode ter contraído a doença.

Cristina relatou ao blog que ao chegar no Brasil passou por uma triagem em São Paulo e que não apresentava sintomas, por isso foi liberada. Já em Lages apresentou uma dor de garganta e logo após febre e cansaço físico, no dia 19 ela se apresentou a emergência do hospital e já a encaminharam para exames como de sangue, Raio X e tomografia do Pulmão.

Quando veio o resultado e deu positivo, ela foi internada e ficou 11 dias em isolamento total.

Curada

Hoje ela se encontra em casa, e o resultado já deu negativo, por tanto, ela não passa o COVID-19 para ninguém, mas continua em casa em Home office. E está curada dentro da estatística de cura.

Medo

Perguntei à Cristina se algum momento ela teve medo, ”não sei se foi medo. Mas, o desconhecido nos deixa temerário, não sabemos o que enfrentar. Tudo é mais fácil, quando enfrentamos algo palpável e que podemos enxergar”.

Ela ainda aconselha ao isolamento social, e muita atenção à higiene pessoal. “ Estamos no caminho certo do isolamento social, e temos que ter muita atenção a higiene pessoal, principalmente lavar bem as mãos que é o principal disseminador da doença”.

Cristina ainda deixa um recado importante. “A nossa força interior não pode ser enfraquecida ou destruída, ela precisa ser alimentada e fortalecida pelos nossos valores, nossas famílias e nossos amigos”.

Orientações

A secretaria de Saúde de Lages Odila Waldrich, comentou que o resultado da paciente deu negativo, ela segue em isolamento social e não transmite mais o vírus a ninguém. “ A paciente deu negativo para o último exame e passa bem, não existe mais perigo de ela passar o vírus, foi liberada para ficar em isolamento social como todo mundo, ainda mais que as pessoas podem se infectar mais de uma vez”, finaliza.

Compartilhar a matéria
TOPO PREFEITURA LOGO
facvest top

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here