Prefeitos da Serra Catarinense autorizam perfurações de poços artesianos

0
688

Os prefeitos da Amures aprovaram em assembleia por videoconferência, na tarde desta quinta-feira (30), que São Joaquim será o primeiro município a receber o kit de perfuração de poços artesianos, devido à gravidade de escassez de água para a população. Os equipamentos foram viabilizados através do Consórcio Intermunicipal de Meio Ambiente – Cisama e devem entrar em operação na próxima semana.

A necessidade de perfuração de poços artesianos em toda região é tamanha, que a meta inicial do Cisama era iniciar as perfurações dia 11 e terá de antecipar, sob risco de algumas comunidades ficarem desabastecidas. A equipe técnica para operar os caminhões está praticamente definida e foram necessários investimentos de R$ 80 mil na compra de equipamentos que faltavam no kit, como martelos usados nas perfurações de solo.

Três poços por município

Os prefeitos aprovaram que serão perfurados três poços por município para acelerar o atendimento a todos. O caso de São Joaquim é excepcional e será implantado um poço inicialmente. Os equipamentos retornam para Lages, onde serão atendidas as demandas de comunidades do interior.

A previsão do Cisama é implantar de um a três poços artesianos por semana. Uma resolução do Instituto do Meio Ambiente – IMA, permite que os municípios que decretaram situação de emergência possam primeiro perfurar os poços e num prazo de 90 dias, apresentar o licenciamento ambiental.

Rodízio para atender a todos

Depois de Lages e São Joaquim, o kit de perfuração de poços artesianos será deslocado para Campo Belo do Sul, Rio Rufino, Urubici, Bom Retiro e os demais municípios. O rodízio obedecerá a critérios de prioridades e segundo o presidente da Amures, prefeito de Anita Garibaldi João Cidinei da Silva, a intenção é socorrer a todos.

.

Compartilhar a matéria
TOPO PREFEITURA LOGO
facvest top

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here