Descubra se seu CPF foi usado para retirar o dinheiro emergencial do governo

0
852

Os R$ 600,00 das parcelas do auxílio emergencial foram uma das formas encontradas pelo governo para ajudar a economia durante a pandemia. Apesar de 55 milhões de pessoas terem sido beneficiadas, muitos brasileiros estão sofrendo com golpes. Entre os crimes mais comuns estão os roubos de dados e o uso do CPF de quem não solicitou o auxílio emergencial.

Como saber se seu CPF foi usado no auxílio emergencial

Basta acessar o site do Dataprev criado para a Consulta do Auxílio. Ao abrir a página, coloque os seguintes dados: número de CPF, nome completo, data de nascimento e nome da mãe.

Em seguida, clique em “não sou um robô” e depois em “Enviar”. Se tudo der certo, uma nova página abrirá automaticamente e indicará se o auxílio foi ou não pedido para aquele número de CPF.

O que fazer se usaram meu CPF?

Caso o seu CPF tenha sido usado irregularmente para pedir o auxílio emergencial, Denuncie!

Se algo ocorreu com você, ligue para o número do Ministério da Cidadania (121). Também é possível entrar em contato com o Dataprev, a Caixa ou, se achar necessário, até fazer um Boletim de Ocorrência na Polícia.

Golpe

Segundo a Caixa, já foram pagos mais de R$ 60 bilhões para quem recebe o auxílio emergencial. Como a quantidade de dinheiro é muito grande, diversos criminosos passaram a investir seu tempo para aplicar golpes em quem não esteja bem informado.

Conforme levantamentos como o da PSafe, mais de 7 milhões de pessoas sofreram algum tipo de golpe relacionado ao benefício. Por isso, é sempre bom reforçar que a Caixa não manda mensagem via Whatsapp ou Facebook. Sempre procure informações ou entre em contato via canais oficiais como o site do banco, o aplicativo Caixa Tem ou utilize o telefone 111.

Compartilhar a matéria
TOPO PREFEITURA LOGO
facvest top
PREFEITURA TOPO 05-06

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here