Projeto Experiências do Brasil Rural conclui diagnóstico nos roteiros contemplados e a Serra Catarinense está fora

0
340

Após uma análise que englobou a aplicação de questionários e a realização de oficinas participativas, equipes do Projeto Experiências do Brasil Rural apresentam, nesta semana, o diagnóstico dos roteiros contemplados. O objetivo é expor pontos fortes e quesitos passíveis de aprimoramento dos locais alvos do projeto, uma parceria entre os ministérios do Turismo (MTur), da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA) e da Universidade Federal Fluminense (UFF).

O Experiências do Brasil Rural busca impulsionar produtos e serviços da agricultura familiar associados ao turismo, de forma a proporcionar vivências inovadoras a visitantes, diversificar a oferta turística nacional e gerar alternativas de renda no campo, a partir da formatação e do posicionamento de roteiros. O diagnóstico contemplou quatro dimensões neste sentido: Experiência, Hospitalidade, Qualidade Técnica e Gestão & Marketing.

Roteiros

O diagnóstico dos roteiros indica necessidades como roteirização, acolhimento, infraestrutura, limpeza e higiene, além de sustentabilidade financeira. Por meio do projeto, oito roteiros turísticos de quatro regiões do país, que produzem queijos, vinhos, cervejas e frutos da Amazônia, receberão apoio técnico para estruturar destinos e empreendimentos da agricultura familiar, comercializar produtos e serviços e promover o turismo rural.

Serra Catarinense está fora do roteiro

Os roteiros contemplados são a Rota Amazônia Atlântica, do Pará; a Terra Mãe do Brasil, Seus Caminhos, Segredos e Saberes, da Bahia; o Agroturismo do Espírito Santo; a Rota do Queijo Terroir Vertentes e a Rota Gourmet das Terras Altas da Mantiqueira, em Minas Gerais; o Caminhos do Campo, em Santa Catarina, e a Ferradura dos Vinhedos e o Roteiro Farroupilha Colonial, no Rio Grande do Sul. A meta é inserir produtos rurais em bares, restaurantes, meios de hospedagem e lojas de artesanato, entre outros espaços.

Caminhos do Campo, em Santa Catarina

AMAVI – Associação dos Municípios do Alto Vale do Itajaí: A região Caminhos do Alto Vale conserva valores e costumes dos antepassados europeus na gastronomia, nas festas tradicionais, na sua arquitetura e nas tradições religiosas.

Sempre se destacou pelo cuidado com o meio ambiente, onde oferece opções encantadoras para visitação de parques ecológicos bem como em áreas de preservação. Na região Caminhos do Alto Vale é possível praticar diversas modalidades de esportes radicais. Pequenas propriedades rurais fazem parte do Turismo no Meio Rural Caminhos do Campo.

O projeto visa criar alternativas para o meio rural, proporcionando uma melhor qualidade de vida para os proprietários e uma nova opção ao visitante, que passa a conviver com as atividades agrícolas se hospedando e participando diretamente das atividades do cotidiano das famílias. Conheça os prazeres da vida simples e troque experiências com as pessoas que vivem no campo na região Caminhos do Alto Vale.

Juro que não vi nada de diferente que a Serra Catarinense não seja pioneira, lamentavelmente estarmos fora desse projeto.

Compartilhar a matéria
TOPO PREFEITURA LOGO
facvest top

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here