Estudantes de São Joaquim que visitaram Villa Francioni recebem tear para criar tapeçaria

0
1106

Os estudantes da escola EEBM Maria Aparecida Nunes, de São Joaquim, receberam um presente muito especial da mestre em Teoria e História da Arte e tapeceira Elke Hulse: um mini tear. Cada aluno ganhou um tear. Assim, eles puderam dar continuidade ao que aprenderam na oficina de tapeçaria, realizada no final de setembro, na abertura da exposição da Villa Francioni denominada “Eu & Você & Elas/Eles”.

A professora de arte Elenita Abel Matos, que acompanhou os estudantes na visita, ressaltou que os adolescentes se entusiasmaram com o presente: “Eles ficaram muito felizes com a oportunidade de poderem colocar em prática tudo o que aprenderam na oficina”.

Além disso, a professora agradeceu a oportunidade e o lanche que a Villa Francioni proporcionou aos alunos no dia da oficina. “Ficamos muito gratos à equipe da vinícola, que nos recepcionou com muito carinho, e também à artista Elke Hulse, pela experiência e contato com esta arte maravilhosa da tapeçaria. Foi uma oportunidade linda, cheia de novos conhecimentos, apreciação e valorização da arte catarinense”, conclui.

A presidente do Conselho Administrativo da Villa Francioni Daniela Freitas parabeniza o município por proporcionar às crianças um projeto como este. “É um projeto de grande relevância cultural e ficamos muito felizes em fazer parte desse momento e contribuir com o crescimento dos estudantes”, afirma.

A Villa Francioni, que atualmente é administrada pelos conselheiros André, Adriana e Daniela Freitas (presidente), é pioneira dos vinhos de altitude em Santa Catarina e está no mercado há 22 anos. A meta dos sucessores é manter a tradição e os ensinamentos do fundador Dilor de Freitas, trazendo sempre novidades e inovação para os amantes do vinho e das artes.

Fotos: Divulgação VF

Compartilhar a matéria

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here