Ciclone Extratropical pode atingir o sul do País na véspera de Natal

0
177

Segundo o Inmet ( Instituto Nacional de meteorologia), até próximo domingo (24), áreas de instabilidade formadas pelo calor e a alta umidade, além da presença de perturbações no escoamento (cavados de ondas curtas em níveis médios da atmosfera) irão provocar temporais no centro-sul do Brasil. Este padrão antecede a formação de um ciclone extratropical e a passagem de uma frente fria entre o fim do domingo e decorrer da segunda-feira (25) pela Região Sul do País.

Hoje (23), as tempestades se concentram entre o norte do Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná, Mato Grosso do Sul e em áreas da Região Sudeste. Nessas áreas, também há possibilidade chuva forte e rajadas de vento acima dos 70 km/h.

A formação de um ciclone extratropical entre o Uruguai e o sul do Rio Grande do Sul se inicia no fim do domingo e, principalmente, na madrugada de segunda-feira. Ao longo deste dia, o sistema se intensifica sobre o Oceano Atlântico, na costa do gaúcha.

Também na segunda (25), a convergência de umidade associada ao processo de formação deste sistema e os encontros de ventos quentes e úmidos de norte e mais frios de sul, dão origem a formação de áreas de instabilidade sobre grande parte da Região Sul, com previsão de chuvas intensas, rajadas de vento e queda de granizo.

Ventos diretamente associados ao ciclone e ao gradiente de pressão atmosférica (baixa pressão no oceano e entrada de alta pressão a oeste) intensificam as rajadas de vento que podem ficar entre 80 a 100 km/h, na faixa leste do Rio Grande do Sul e Santa Catarina, entre a noite de segunda e a manhã de terça-feira (26),

Compartilhar a matéria

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here