Crônica: A fábula do “Tenho pressa”

0
382

Ficar somente olhando no relógio não me cabe mais, a obsessão por aproveitar o tempo já é um traço da minha personalidade é um “atributo” que denomino, TENHO PRESSA DE SER FELIZ.

Deixei para trás os meus porquês sem respostas, as minhas dúvidas onde um dia me tiraram o sono, minhas oportunidades de falar o que quero e o que penso, a roupa que não usei porque ficou cafona, as pessoas que me decepcionaram, todos os medos que fizeram parte da minha vida, ficaram em um bloquinho de anotações esquecido no fundo da minha última gaveta, só não joguei fora, porque cabe a mim, talvez um dia voltar a abrir.

Decidi não me preocupar mais, com situações constrangedoras, com opiniões de quem não me conhece, com pessoas que não me acrescentam, não digo que ainda não sofro com coisas mal resolvidas, afinal sou humana, gostaria de poder resolver todos os meus problemas, mas jamais deixarei de viver algo bom, para tentar resolver algo que nem sei se valeria meu esforço, descobri que não quero mais perder tempo.

51 anos

 Com 51 anos aprendi tantas coisas, que tentar dizer a alguém mais jovem, seria um tanto incoerente, só resta escrever algumas palavras rabiscadas em um novo bloquinho, comecei a organizar a minha vida, pois falando sério, ultrapassei a barreira do meio século e por incrível que pareça não me preocupo com a idade, estou tão nostálgica, que quero no fim do dia, colocar minha roupa de mendiga, tomar um bom vinho, escutar uma boa música e ter alguém para ouvir como foi meu dia.

Foda-se

Aprendi a não julgar, a não perguntar na hora errada e acredite, com o passar do tempo você percebe a hora certa. Não me preocupo mais onde errei, me preocupo em acertar e se não acertar foda-se. Acredito que tenho muito a aprender, muito a ensinar e não quero mais perder tempo, ESTOU NA FÁBULA DO TENHO PRESSA, pressa de amar, pressa de aprender, pressa de cheirar uma rosa, ou ler um bom livro, de conhecer pessoas interessantes com histórias interessantes, de viver novas histórias e tudo no meu tempo.

Então sua vida pode começar realmente hoje, foque no que quer, sente no banco da frente, aprecie a paisagem e vá viver sem perder tempo.

Por CrisMenegon

Compartilhar a matéria

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here