Turismo de Cavalgada é impulsionado na Serra Catarinense

0
340
A Serra Catarinense, conhecida por suas paisagens deslumbrantes e rica cultura rural, está investindo no potencial do turismo de cavalgada como uma oportunidade de negócio promissor. Com uma crescente demanda por experiências autênticas e contato com a natureza, o turismo equestre emerge como uma opção atrativa para visitantes locais e internacionais. Por conta da crescente demanda, na próxima semana, entre os dias 8 e 12 de abril, o Instituto Del através do Programa Del Turismo, a Facisc e a bbw oferecem um curso prático de organização, gestão e vendas de turismo de cavalgada em Urubici e Bom Jardim da Serra.
O curso abrange uma ampla gama de tópicos, desde o planejamento de rotas de cavalgadas até a segurança dos participantes de fazendas e guias dos municípios de Bom Retiro, Bom Jardim da Serra, Urubici, Lauro Müller e Painel.
Os participantes aprenderão sobre equipamentos necessários, avaliação de cavalos, negociação com proprietários de trilhas, marketing de ofertas e atração de clientes tanto nacionais quanto internacionais.A experiência prática é fundamental, e os participantes terão a oportunidade de montar cavalos e explorar pontos turísticos da região. Além disso, o treinamento inclui a projeção de ofertas, capacitação de equipes e guias, e estratégias de marketing para promover as atividades de turismo de cavalgada.
Segundo o Sebrae, o Brasil possui o terceiro maior rebanho equino do mundo, o que representa um vasto mercado para o turismo de cavalgada. Com 5,8 milhões de cabeças de equinos registradas, o país possui uma rica diversidade de raças, o que contribui para a variedade de experiências oferecidas aos turistas. Nesse contexto, a organização, gestão e venda de turismo de cavalgadas torna-se uma habilidade essencial para empreendedores e consultores interessados em explorar esse nicho de mercado.
A Fazenda Rio do Bispo e o Eco Resort serão os locais de chegada e base para as atividades do curso, proporcionando uma atmosfera autêntica e imersiva. Com uma combinação de aprendizado teórico e prático, os participantes serão preparados para iniciar suas próprias ofertas de turismo equestre nos municípios da região da Serra Catarinense.A capacitação para turismo de cavalgada representa não apenas uma oportunidade de negócio, mas também uma forma de preservar e promover a cultura rural e o patrimônio natural da Serra Catarinense. Com o devido preparo e planejamento, essa iniciativa pode contribuir significativamente para o desenvolvimento econômico e turístico da região, oferecendo experiências memoráveis e autênticas para os visitantes.
Compartilhar a matéria

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here